24°C 25°C
Salvador, BA
Publicidade

Americana Paladin fará nova captação no Brasil para fundo imobiliário

Gestora pretende levantar até R$ 250 milhões para empreendimentos residenciais em São Paulo

09/04/2024 às 12h00
Por: Redação
Compartilhe:
Americana Paladin fará nova captação no Brasil para fundo imobiliário

A gestora americana de investimentos imobiliários Paladin Realty Partners pretende abrir, nos próximos meses, a captação de R$ 200 milhões a R$ 250 milhões para um fundo voltado à construção de empreendimentos residenciais na cidade de São Paulo. A ideia é investir em cerca de seis a sete projetos nos setores de baixa a alta renda, em parceria com incorporadoras locais.

Este será o segundo fundo da Paladin constituído a partir da captação de recursos por aqui, o que marca a consolidação de uma nova fase para a gestora americana e revela uma mudança de postura entre empresas americanas de investimentos imobiliários.

Tradicionalmente, nomes como Paladin, Hines, Tishman Speyer e GTIS fazem suas captações nos Estados Unidos junto a investidores institucionais de lá, como fundos de pensão, fundos universitários e “family offices”. Nos últimos anos, porém, essa fonte secou em meio ao atípico ciclo de inflação e juros altos da economia dos EUA, o que reduziu o apetite desses investidores por aportes em fundos voltados a ativos imobiliários estrangeiros.

Empresas dos EUA buscam investidores brasileiros

A solução dessas empresas foi passar a procurar investidores brasileiros para levantar recursos. A Tishman, dona do Rockefeller Center, em Nova York, fez a venda de prédios comerciais e residenciais no Brasil ao longo do ano passado e está em conversas com investidores daqui para levantar meio bilhão de reais para seu próximo ciclo de projetos locais.

No caso da Paladin, o primeiro fundo “verde e amarelo” teve parceria da gestora de recursos Hedge Investments, e levantou cerca de R$ 700 milhões para a construção de quatro prédios corporativos em bairros nobres, como Pinheiros. Os projetos ficarão prontos entre 2026 e 2027.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Lenium - Criar site de notícias